Cachorro pode comer maracujá?

Frutas são fontes de diversos nutrientes, como vitaminas e fibras, e fazem muito bem para o organismo. Algumas, nós sabemos que podemos dividir com os bichinhos, outras deixam dúvidas, será que cachorro pode comer maracujá? 

Os dogs também adoram comer frutas e não é raro eles virem em nossa direção quando comemos uma banana, por exemplo. 

Algumas vezes, até usamos as frutas para animar ou incentivar quando o cãozinho não quer comer. Entretanto, é preciso ter certeza de que o alimento não fará mal para o dog. Hoje descobriremos se esse é o caso do maracujá, continue para saber mais. 

Cachorro pode comer maracujá?

Muitas vezes, é só começar preparar alguma refeição ou sentar à mesa para aparecer um peludo interessado, abanando o rabo e nos rodeando para conseguir um agrado. 

É bem difícil resistir aos olhares e várias vezes acabamos cedendo. Mesmo, às vezes se trata de alimentos que devem ser evitados, mas ironicamente os cães adoram, como é o caso do pão

Para não arriscar prejudicar a saúde do bichinho, é ideal pesquisar antes de oferecer algo, mesmo no caso de alimentos naturais, como as frutas, pois algumas podem causar intoxicação alimentar

Afinal, cachorro pode comer maracujá? Sim, os nossos amigos de quatro patas podem consumir essa fruta, porém, com algumas ressalvas que abordaremos mais adiante. 

Quais são os benefícios da fruta?

O cachorro pode comer maracujá, mas apenas em pequenas porções. Por se tratar de uma pequena quantidade, os benefícios referentes às suas características nutricionais acabam não sendo suficientes para trazer alguma mudança significativa no organismo. 

Mesmo com o maracujá sendo conhecido pelas suas propriedades calmantes, essa característica não pode ser notada nos animais, exceto quando há o consumo de produtos industrializados com essa finalidade, produzidos a partir das folhas do maracujá e possuindo substâncias que causam o relaxamento. 

Alguns cuidados no consumo

Da mesma forma que nos preocupamos em manter uma nutrição balanceada, essa também é a preocupação de vários tutores, que buscam criar um planejamento nutricional para seus pets e até mesmo trazem alimentações diferenciadas, como a dieta crua, por exemplo. 

Independente de qual é o tipo de alimentação, se seu dog quer maracujá, você deve ter alguns cuidados para que esse consumo não cause nenhum problema de saúde no bichinho.

O cachorro pode comer maracujá, no entanto, apenas em pequenas quantidades, quase como se fosse um petisco. Uma dica é preparar pequenas porções e congelar, assim você pode dar esse petisco congelado para o cão se refrescar nos dias quentes. 

Já que o cachorro pode comer maracujá, um detalhe muito importante é servir apenas a polpa da fruta, as sementes devem ser retiradas. É fundamental seguir essa dica à risca, pois elas possuem uma substância que pode intoxicar o animal e causar problemas ao seu organismo. 

Não é incomum sementes de frutas serem prejudiciais para os animais, em alguns casos elas podem causar obstruções intestinais. No caso do maracujá, o problema está na presença de cianeto nessa parte do fruto. Nunca se esqueça de retirá-las antes de dar maracujá para o peludo. 

Caso seu cão apresente qualquer comportamento ou sintoma diferente após a ingestão da fruta, leve-o ao veterinário. 
Se você gostou do tema de hoje e o seu cachorro ama comer frutas, descubra se os doguinhos também podem comer abacate.