Espirro reverso: o que é e como lidar?

Embora o nome seja complicado, e quase desconhecido, a Respiração Paroxística Inspiratória é um problema comum de acontecer com os cachorros.

Geralmente, seus donos fazem confusão pensando que seus amigos estão tendo uma crise de asma ou até mesmo se engasgando ou sendo sufocados.

A Respiração Paroxística Inspiratória é comumente chamada de espirro reverso e muitas vezes os segundos de duração parecem uma eternidade para o dono que não sabe lidar com a situação.

Continue lendo nosso post e saiba mais sobre o espirro reverso, descobrindo o que é e como lidar com ele, para atender e cuidar de forma segura do seu cachorro.

O que é espirro reverso?

Como o próprio nome diz, o espirro reverso é quando o seu cão respira num processo contrário do comum.

O comum ao espirrar é que o ar seja empurrado de dentro do nariz para fora. No espirro reverso o ar é puxado para dentro.

Para você entender melhor, pode-se dizer que o espirro reverso é uma dificuldade respiratória sem consequências graves para a saúde e o bem-estar do seu pet.

Geralmente é caracterizado por um barulho parecendo que seu cachorro realmente está se engasgando, também é bem parecido com um ronco.

Por que acontece o espirro reverso?

O espirro reverso pode ser causado por uma predisposição genética, mas, na maioria das vezes, se desencadeia devido à irritação na garganta ou fechamento das vias aéreas.

Consequentemente a irritação na garganta e o fechamento das vias aéreas têm suas origens em:

  • Alergias;
  • Infecções respiratórias;
  • Mudanças bruscas de temperatura;
  • Gotejamento pós-nasal;
  • Puxões fortes com a coleira;
  • Poeiras

Até mesmo num momento de muita felicidade, em que seu cachorro fica super excitado, ele pode vir a ter espirro reverso, como quando você chega em casa.

Vale ressaltar que os cães braquicefálicos, aqueles de focinho achatado, têm mais tendência ao espirro reverso pelo formato do sistema respiratório deles.

Devo me preocupar com o espirro reverso do meu cachorro?

Tudo dependerá da frequência que isso acontece. Caso sejam episódios ocasionais, não há nada para se preocupar.

Mas, se você perceber que esses episódios estão ocorrendo cada vez mais frequência, é necessário você levar seu cachorro no veterinário, pois, ele pode estar com fortes alergias ou até mesmo uma infecção não curada.

Em relação ao o que fazer quando seu cão está tendo um episódio de espirro reverso a nossa dica é: mantenha a calma.

Sabemos que não é fácil ver nosso amigo passar por isso, mas, acredite, ele ficará bem.

Caso seu cão perceba que você está nervoso ou agitado também ficará, podendo causar estresse e até mesmo mais espirros.

O que você pode fazer para ajudar seu cão nesse momento é pegá-lo no colo e acalmá-lo, e assoprar bem levemente o nariz ou massagear bem levemente a garganta do cão.

Qualquer dúvida que você ainda tenha sobre o espirro reverso, tire com seu veterinário de confiança.

Agora que você já sabe como lidar com o espirro reverso, que tal conhecer a parte do nosso blog que fala tudo sobre saúde e cuidados?!