Assim como as pessoas falam e os bebês choram, os cachorros latem, afinal essa é uma das formas de comunicação deles.

Latidos são normais e sempre querem nos dizer algo.

O problema está quando o seu cachorro está latindo muito, ou seja, com muita frequência.

Se você mora em um apartamento, por exemplo, o latido constante pode se tornar um problema para você e para os seus vizinhos e pode até gerar multas.

Então, alguma atitude precisa ser tomada.

Se você percebe o seu cachorro latindo muito e não sabe por qual motivo e o que fazer, continue lendo nosso post e saiba como agir com ele.

Latir é a forma normal de comunicação

De forma geral, quando o seu cachorro late é porque ele está dizendo algo para você.

Ele pode latir, por exemplo, quando escuta um barulho externo não comum para ele. É um alerta que ele está emitindo.

É como se ele dissesse: algo de estranho está acontecendo, vá verificar!

Também é normal ele latir quando percebe a presença de alguém desconhecido, quer seja chegando no portão ou entrando no seu apartamento.

Latir é a forma que ele encontra para dizer ao visitante: não te conheço ou você está invadindo o meu pedaço.

Mas, geralmente, esse comportamento dura durante um curto espaço de tempo e logo em seguida ele já está confortável ao nosso lado.

Por isso que quando você observar seu cachorro latindo muito, é preciso prestar atenção para identificar o que está acontecendo.

Cachorro latindo é sinônimo de incômodo

Se o seu cachorro está latindo muito, saiba que esse não é um comportamento normal.

Existem diversos fatores que podem contribuir para que um cachorro comece a latir mais que o habitual.

Esses fatores podem ser:

Psicológico

Você sabia que seu cachorro pode trazer algum trauma por meio de experiências que vivenciou e que, de vez em quando, pode manifestar isso por meio de latidos excessivos em determinadas situações?

Por exemplo: se você adotou um cachorro que vivia nas ruas, certamente, ele tem uma experiência bem dolorida durante esse período e pode ser que quando ele saia para passear com você, ele comece a latir de forma excessiva porque o ambiente externo causa medo a ele.

Vamos imaginar que, durante o período que ele vivenciou na rua, ele ouvia muito barulhos de fogos, se ele estiver em casa e você estiver com a sua TV ligada e ele escutar algo semelhante, vai fazer uma ligação e poderá começar a latir por medo.

Esse pode ser um dos motivos de você ver seu cachorro latindo muito.

Tédio

Cachorro latindo muito também pode significar que ele esteja entediado. Muitas pessoas ao sentirem tédio manifestam uma certa insatisfação e até mesmo raiva.

Com o seu cão acontece o mesmo.

Se ele fica em casa sozinho o dia inteiro, sem atrativos, é bem normal essas manifestações.

Também é bem comum um cachorro latindo muito para ganhar alguma atenção do dono, porque está se sentindo tedioso.

Além desses fatores, o latido pode surgir de forma excessiva quando:

  • Sentir que seu território está ameaçado;
  • Latidos de alerta, quando alguém está se aproximando e ele entende que não será bom, é como se ele se sentisse ameaçado;
  • Presença de outro cachorro, situação normal quando ele sente um outro bichinho próximo, quer seja no portão da casa ou passeando, têm alguns que latem ensurdecedoramente.

É importante informar que a maioria dos cachorros surdos latem mais que o normal, uma vez que não ouvem, então, para eles não estão fazendo barulho.

Cachorros com forte dores também podem vir a latir mais para avisar o dono.

O que fazer com o cachorro que late muito?

Educar o seu cão é o melhor meio ajudá-lo a não latir muito, além, é claro, de identificar o motivo que o faz estar latindo muito.

Alguns tutores têm o hábito de ter um objeto, como uma lata com moedas, e quando os cachorros começam a latir, eles sacodem-a fazendo barulho.

Mas, a verdade é que se o seu cachorro está latindo muito, de alguma forma, está incomodado e é esse detalhe que precisa ser identificado.

Algumas dicas são:

Se você observar seu cachorro latindo muito em virtude do tédio que sente, deve procurar alternativas para que ele brinque sozinho, por exemplo.

Se ele late ao ouvir determinados sons ou em algumas situações específicas que caracterizam um problema psicológico, você deve procurar um especialista no comportamento animal para ajudar.

A verdade é que em todas as situações é possível contornar o problema e, com muita paciência e carinho, diminuir os latidos do seu cão.

Nosso post foi útil para você? Seu cachorro, além de latir, rosna de vez em quando? Leia nosso post e saiba porque isso acontece!