Quando se fala em cães de guarda, muitas pessoas acreditam tratar-se de cachorros que estão a disposição para servir os humanos nas atividades que envolvem os cuidados com seus bens.

Apesar de muitos serem utilizados para esse fim, o que caracteriza realmente esse nome e essa condição é o seu instinto.

Muitas raças herdaram de maneira bastante forte o instinto dos lobos que exercem a função de guarda no objetivo de proteger a sua matilha.

Isso significa que essa característica faz parte natural desses peludos que protegem:

  • territórios,
  • filhotes,
  • donos.

Uma pesquisa liderada pelo Instituto Francis Crick mostra que os cães já viviam em companhia dos homens há quase 11 mil anos e que participavam das caças e da convivência humana, alertando através dos latidos qualquer aproximação ou ameaça.

Continue lendo e conheça 6 raças de cães de guarda!

Quais as principais raças de cães de guarda?

Como já mencionado, algumas raças herdaram dos lobos o instinto da guarda e guardam fortemente essa característica, prestando atenção no movimento e reagindo a qualquer aproximação que possa ameaçar o seu ambiente. 

As 6 delas mais conhecidas são:

Doberman

Doberman

O doberman é uma raça muito inteligente, porém, necessita de socialização desde pequenos, pois, tem por característica a agressividade quando isso não acontece.

O seu instinto superprotetor faz com que ele ataque aqueles que ameaçam seu território, demonstrando-se fiel a seus tutores.

Bullmastiff

Bullmastiff

A raça bullmastiff surgiu a partir do cruzamento do buldogue com o mastim.

São cães fortes, musculosos e com o olfato e audição muito apurados, portanto, com grande capacidade de percepção de aproximações de outros animais ou humanos.

Outra característica desses cachorros é que são silenciosos, latindo pouco e atentos a qualquer movimentação que se faça presente.

Rottweiler

Rottweiler

A raça rottweiler é composta por cães grandes, fortes e robustos, portanto, é comum que assustem as pessoas que cruzem com eles.

Apesar do porte, quando adestrados e socializados desde cedo, mostram-se leais, confiáveis e dóceis.

São também muito obedientes e corajosos, não tendo medo de ambientes externos ou desconhecidos, além de estarem sempre prontos para enfrentar as ameaças.

Pastor alemão

Pastor alemão

A raça pastor alemão tem por característica a agilidade, rapidez, força e porte dos seus cães.

O próprio nome ajuda a compreender o que gostam de fazer:

  • pastorear,
  • proteger,
  • conduzir.

Esse cão possui uma forte personalidade territorial e é um excelente companheiro das famílias, mostrando-se leal e extremamente ligado a seus tutores.

Boxer

Boxer

O boxer é um tanto desajeitado e atrapalhado, mas, não se engane, é um grande protetor de seus tutores e família.

Também se caracteriza pela docilidade com as crianças, no entanto, quando sente alguma ameaça a seu território e aqueles que considera parte de sua família, são espertos e ágeis e não se importam de entrar em uma briga.

Pastor belga

Pastor belga

Por último, entre as principais raças de cães de guarda está o pastor belga.

Portador de agilidade e velocidade, apesar de grande e musculoso, esse cão é muito inteligente e possui grande facilidade para:

  • realização de buscas,
  • farejamento de substâncias,
  • resgates.

Sua facilidade em saltar grandes alturas o torna um destemido cão de guarda, pronto para agir quando percebe o seu território ameaçado.

Os cães de guarda cada vez mais se tornam bons companheiros, com a característica do cuidar e proteger.

Merecem, portanto, ser cuidados e também protegidos, pois, alegram nossas vidas e são amigos fiéis com quem podemos contar.

Agora que você já conhece as 6 principais raças de cães de guarda, leia também nosso post que apresenta qual cachorro tem a mordida mais forte!