Ração para filhotes: quais os cuidados necessários?

Da mesma forma que um bebê necessita de cuidados especiais em relação à alimentação, a ração para filhotes também precisa ser observada nessa fase.

É preciso considerar que, assim como um neném, o filhote de cachorro também está com seus órgãos em desenvolvimento e em adaptação, por isso, a ração precisa ser adequada para ele. Isso vale para a consistência dela e para seus componentes nutritivos.

Uma ração mais sólida, por exemplo, pode dificultar a digestão do seu cãozinho e a mastigação.

Se você tem dúvidas sobre quais cuidados precisa ter  com a ração de filhotes, veio ao local certo! Continue lendo nosso post e descubra! 😉

Composição da ração para filhotes

Uma boa ração para filhotes tem um diferencial tanto na consistência como na elaboração.

Ela tem a quantidade ideal dos nutrientes necessários para o crescimento natural e sadio do seu animal, como proteínas, fibras, gordura, minerais e vitaminas, que são essenciais para o desenvolvimento dos órgãos e músculos.

Além do fator nutritivo, a ração para filhotes tem uma consistência mais mole e com grãos de tamanhos menores para facilitar a mastigação e evitar os engasgos.

Alimentando seu filhote

Bons hábitos alimentares precisam começar na fase em que seu.dog é filhote.

Existem alguns fatores que você precisa saber em relação à alimentação correta.

Filhotes tendem a ser ansiosos e isso faz com que eles tenham mais vontade de comer, por isso, disciplinar essa hora é essencial.

Converse com seu veterinário e siga as orientações em relação ao horário e quantidade de ração adequada para o seu cão.

Coloque a ração para filhotes no recipiente adequado e aguarde um tempo até ele comer.

Caso ele não queira comer ou não coma tudo, não deixe o alimento exposto para que ele o faça na hora que quiser ou ainda belisque de pouco em pouco durante o dia.

Disciplinando nessa fase, ficará mais fácil para ele adquirir uma rotina saudável, o que evitará, por exemplo, que ele se torne um cachorro adulto obeso.

Vale lembrar que disciplina não quer dizer rigorosidade, é claro que vez ou outra você vai brindar seu cãozinho com um delicioso petisco, certo?!

Caso você repare que seu cachorro come muito rápido, é possível tomar algumas medidas para melhorar esse problema. Leia nosso post completo e entenda quais os riscos e como resolver, é só clicar aqui.

Quando parar com a ração para filhotes?

Assim como os humanos, em cada fase da existência, o organismo vai precisando de nutrientes diferentes para se manter.

Um adulto com mais idade, por exemplo, precisa repor, algumas vezes, o cálcio.

Com o seu cachorro é igual.

Por isso, ele não deve continuar comendo a ração para filhotes depois que passar essa fase.

Um cachorro idoso também tem outras necessidades nutricionais e precisa de ração adequada.

Essas mudanças variam de acordo com a idade e o porte do cão.

Mas, para saber exatamente quando que seu cachorro deve comer ração de adulto, é necessário seguir as orientações da ração e também do seu veterinário.

O veterinário é sempre a pessoa mais indicada para tirar suas dúvidas, bem como orientar todos os cuidados com a saúde do seu amigo, incluindo a alimentação.

Agora que você sabe que seu filhote precisa se alimentar de acordo com as suas necessidades nutricionais fica mais fácil escolher o tipo de ração para ele. 🐕💕

Nosso post foi útil para você? Que tal visitar nossa seção de alimentação e saber mais sobre isso!?