Raça rara de cachorro: qual a mais excêntrica?

Quem gosta de cães, geralmente conhece e ama diversas raças, mas você sabia que no universo canino existem também os pecualires, aqueles de raça rara de cachorro? 

As raças podem ser muito importantes para algumas pessoas, há quem pague fortunas para ter um peludo desses, é quase como ter um amiguinho de luxo.

Entretanto, não dá para negar que conhecer sobre a raça pode significar ter uma noção de como pode ser o comportamento do dog. 

O mesmo não pode ser esperado dos cães sem raça definida, como é o caso do popular cachorro caramelo.

Se tratando de uma mistura de várias raças, não tem como prever certas características do patudo. 

De toda forma, existem diversas raças e algumas são mais raras e excêntricas que outras. Continue lendo e veja com a gente algumas delas!

Raça rara de cachorro: quais você conhece?

Existem mais de 350 raças, algumas são muito antigas e outras mais recentes. 

Em 2022, duas novas raças já foram reconhecidas por uma organização dos Estados Unidos, a American Kennel Club.

E uma delas inclusive é uma raça rara de cachorro que está aqui na nossa lista, confira:

Mastim Tibetano

raça rara de cachorro

O Mastim é um cão bem peludo, como o Chow Chow, e possui grande porte.

Ele tem origem asiática e foi criado para servir como cão de guarda. É um dog calmo e protetor, que aprecia a companhia da família. 

Um fato muito interessante é que essa raça é uma das mais caras, um filhote pode custar cerca de 3 milhões de reais. 

Azawakh

raça rara de cachorro

É uma raça rara de cachorro, mas que pode lembrar outras famosas pelo porte atlético, como o Galgo. 

Possui um corpo magro, o que lhe garante muita agilidade, por isso, é muito utilizado para caçar outros animais.

Tem origem africana, sendo mais comum neste território. 

É um pet de personalidade gentil, ótimo para prática de atividades atléticas e muito protetor. 

Dingo Americano

raça rara de cachorro

O Dingo é o cão mais antigo da América do Norte e já foi até representado em pinturas rupestres feitas por nativos americanos. 

Assim como a sua aparência que lembra um lobo, o seu comportamento também é mais selvagem, por isso, é mais difícil domesticá-lo.

Mudi

Reprodução: G1

Essa é a raça rara de cachorro que foi reconhecida em 2022 como uma nova raça canina

A aparência e o comportamento do Mudi lembram a do Border Collie. 

São muito ágeis, enérgicos e habilidosos, por isso, são ótimos para atuar como cães de pastoreio ou de caça.

Xoloitzcuintli

É quase um trava-língua, a gente sabe.

Mas essa raça também é conhecida com um nome bem mais fácil, Pelado Mexicano e, assim como o nome sugere, ele não tem pelos.

Devido a esse fator,  é bem sensível e não possui tolerância às temperaturas extremas. 

Seu nome é em homenagem ao deus asteca, Xolotl, cuja missão era guiar a alma após a morte. 

É uma raça popular no México, onde surgiu, possui ótima personalidade para viver em apartamento, pois não late em excesso e é dócil. 

Uma coisa interessante sobre os dogs é que a raça pode vir acompanhada de diversos estereótipos e às vezes até mesmo preconceitos a respeito da personalidade dos cães, como pensar que o Pitbull é agressivo ou que o Pinscher é barulhento. 

A raça pode ajudar a entender como o pet pode ser, mas independentemente disso é importante lembrar que cada cão tem sua própria personalidade e a maneira como eles são criados é que influencia diretamente no seu temperamento. 

Gosta de estar informado sobre o mundo canino? Conheça algumas curiosidades sobre os cães-guia, que são tão importantes na vida de muitas pessoas!