5 dicas para tirar nós de cachorro!

Se você tem um cão com pelagem comprida, sabe que um dos grandes problemas que frequentemente surgem são os famosos nós de cachorro.

Os nós podem acontecer por diferentes razões, seja pela textura do pelo, por ser constantemente lambido pelo cão ou ocorre apenas em áreas de contato, como patas e orelhas.

Mas, independente da razão, os nós devem ser retirados, pois podem acabar machucando seu cão.

No post de hoje, separamos 5 dicas para tirar nós de cachorro, continue lendo e confira!

Por que é importante retirar nós de cachorro?

Nenhum nó começa grande, mas ao não ser retirado eles acabam entrando em contato com impurezas e crescem significativamente, fazendo com que o cão possa vir a ter irritações e alergias.

Além disso, os nós não diminuirão sozinhos, só ficarão ainda maiores.

Quando o cachorro tem um nó e não é retirado, os pelos ao redor crescem, fazendo com que a pele seja puxada, causando desconforto e dor ao cão.

A retirada do nó deve ser feita com cuidado para não causar dor no animal e ser realizada com muita calma, sem puxões.

Agora que você já sabe porque deve retirar os nós de cachorro, vamos às dicas!

1 – Banho não é solução

Quando estamos com um nó no cabelo, normalmente lavamos e fica bem mais fácil de eliminar, certo?

Isso não acontece com os nós de cachorro!

Seu amigo continuará com o nó e você ainda terá o trabalho de secá-lo. Além disso, os nós ficam ainda mais duros que estavam após a secagem.

2 – Não tente remover o nó com a mão

Por mais que o nó esteja pequeno, não tente puxá-lo com a mão!

Temos esse reflexo de tentar retirar os nós com as mãos por causa do nosso cabelo, mas pense que nesse caso, é como se o nó estivesse muito perto da raiz.

Isso apenas irá causar dor e desconforto ao cão, podendo deixá-lo agressivo.

Além disso, não será desta maneira que você irá resolver o problema.

3 – Utilize um pente ou desembolador

Getting Ready Over It GIF by Westminster Kennel Club - Find & Share on GIPHY

Caso o nó ainda esteja em uma fase inicial, ou seja, ainda esteja pequeno, é possível tentar retirá-lo com um pente, assim como fazemos em nosso cabelo.

Sempre segure a raiz do pelo do cachorro para que ele não sinta dores durante o processo.

Caso o nó esteja um pouco maior do que o esperado, há ferramentas especiais para isso, como o ancinho e o desembolador

Nesses casos, utilize algum creme, próprio para cachorros, para desembolar o pelo da região.

Caso o seu cão constantemente tenha nós, é recomendado que você compre essas ferramentas que facilitam a retirada e opte por uma tosa que mantenha o pelo mais baixinho.

4 – Cuidado com os nós perto da pele!

Em alguns casos, quando os nós de cachorro estão muito perto da pele e já estão grandes, não há solução: é preciso cortar.

Mas fazer isso em casa pode ser um grande risco para o cão, uma vez que a pele dele é bem mais sensível que a nossa, podendo facilmente ser cortada.

Por isso, sempre que você não conseguir tirar o nó com um pente, ancinho ou desembaraçador, é recomendado que você leve o seu cão a um profissional, que, com certeza, fará isso sem comprometer o bem-estar do pet.

5 – Penteie diariamente

Visto o trabalho que dá para remover um nó, uma boa dica é prevenir o surgimento deles.

Você pode pentear o seu cão diariamente, desta maneira irá impedir a formação de nós e ainda cria um momento especial entre vocês.

Uma boa opção é utilizar o FURminator, que retira grande parte dos pelos mortos do cachorro, evitando nós e sujeira pela casa.
Agora que você já sabe como tirar nós de cachorro, descubra como limpar a orelha do seu cachorro.