Frutas que cachorro pode comer: o guia completo

Se você tem um cachorro, sabe o quão difícil é preparar uma refeição com ele te olhando com aquela cara de pidão.

Independente do que você está cortando, colocando na panela ou comendo, com certeza, seu cachorrinho estará lá te olhando com aquele olhar de morto de fome de quem não come há dias.

O que muitas pessoas não sabem é que existem vários alimentos que os cachorros podem e devem comer! As frutas entram nesse grupo.

Continue lendo nosso post e saiba quais são as frutas que cachorro pode comer! 

Informações importantes

Lembre-se que toda mudança feita na alimentação do seu cachorro deve ser informada para o veterinário.

Caso você queira colocar frutas na alimentação do seu bichinho, a orientação também vale. Além de procurar um veterinário, comece por pequenas porções.

E muita atenção: a inserção de frutas na alimentação do seu cão poderá causar alergia ou alguma reação negativa, como dor no estômago e náusea caso não seja acompanhada.

Se você tem um filhote, é importante começar a oferecer as frutas ainda nessa época, de acordo com indicação do veterinário, para ele se habituar à alimentação mais facilmente.

Se ele já for adulto, isso não é um impeditivo para que ele coma frutas, mas vá sempre com pequenas porções.

Existem casos que cachorros não gostam de frutas, nesse caso, misture a polpa na ração ou use o suco, sempre natural e sem açúcares!

Também preste muita atenção na higiene das frutas e na extração das sementes e do talo, pois, a maioria deles produzem ácido cianídrico, que é tóxico para animais.

Você sabe quais são as frutas que cachorro pode comer?

Resultado de imagem para cachorro comendo fruta

Algumas frutas, além de serem saborosas para seu cãozinho, têm propriedades que a tornam remédios naturais.

Confira a lista das frutas liberadas para seu cãozinho comer. São elas:

Maçã

A maçã é a primeira da nossa lista de frutas que cachorro pode comer.

Ela tem um alto valor nutritivo, é rica em vitamina B, C e E, além de conter fibras e pectina, substâncias que ajudam a regular a glicemia nos animais.

A maçã também tem um efeito anti-inflamatório, anti estresse, oxidativo e previne câncer, contendo ainda um mineral chamado borônio que combate a artrite e a osteoporose.

A casca pode ser comida também, pois nela contém uma grande quantidade de antioxidantes.

É importante retirar as sementes dessa fruta, pois, elas liberam ácido cianídrico, que pode causar envenenamento.

Como servir: Sirva em cubinhos pequenos para evitar engasgos e com a casca. Lembre-se de tirar as sementes e o talo.

Vantagens: Além de prevenir todas as doenças citadas acima, favorece a função intestinal, mantém a imunidade alta e regula a glicemia.

Banana

A banana é outra integrante da lista das frutas que cachorro pode comer sem problemas.

Essa fruta é rica em potássio, fibras e vitaminas A e C, substâncias fundamentais para uma boa manutenção do sistema imunológico e uma ótima fonte de energia.

A banana contém fibras probióticas que auxiliam na função intestinal. Também são encontrados na banana alguns minerais como fósforo, cálcio e magnésio.

Como a fruta produz uma sensação de saciedade, é ideal ser oferecida entre as alimentações para os cães mais gulosos.

Como servir: Sempre sem casca e em pequenas porções.

Vantagens: Contribui para o organismo do seu cachorro ficar saudável, ajudando na função intestinal e no sistema imunológico.

Pera

Dando sequência na lista das frutas recomendadas para o seu cachorro, vem a pera.

Além de ser uma delícia, a pera é rica em vitaminas A, B1, B2 e C, além disso, é uma excelente fonte de potássio, sais minerais e niacina.

A grande quantidade de fibras presentes na fruta, protege o intestino de doenças inflamatórias.

A recomendação para o talo e as sementes é a mesma: retire-os, pois, liberam ácido cianídrico.

Como servir: Sempre sem casca e em quantidades pequenas.

Vantagens: Ajuda na proteção do intestino, na saúde dos tecidos conjuntivos e na imunidade alta.

Kiwi

O kiwi tem duas vezes mais vitamina C que uma laranja e também é uma das frutas que cachorro pode comer.

Ele é rico em fibras, magnésio e antioxidantes, que previnem o câncer.

Como servir: Em pequenas quantidades e sem casca.

Vantagens: Auxilia no fortalecimento dos ossos e ajuda o sistema imunológico.

Manga

Também contém sais minerais, vitaminas A, B e C e fibras.

Por ter carotenóides diminui a chance de seu cachorro ter doenças degenerativas e tem alta ação antioxidante.

Embora seja uma das frutas que cachorro pode comer, ela não é recomendada quando não está bem madura para cachorras grávidas, pois, tem substâncias abortivas.

Então, nada de usar a frase: “o cão chupando manga”, viu?

Como servir: A manga não deve ser dada com casca e com caroço, pois, pode causar engasgos. O ideal é que ela seja cortada em pedaços pequenos.

Vantagens: Diminui o risco de doenças degenerativas e previne o envelhecimento precoce.

Caju

O caju também é uma das frutas que cachorro pode comer com tranquilidade, sendo rico em vitamina C e ferro.

Alguns cachorros não gostam dessa fruta pelo seu gosto forte, mas vale a pena oferecer e saber da preferência do seu amigo.

Como servir: Retire a castanha.

Vantagens: Auxilia no sistema imunológico do animal.

Goiaba

Tanto a goiaba branca como a vermelha são ricas em licopeno que previne câncer e ajuda no controle da hipertensão arterial.

A casca ajuda no bom funcionamento do intestino, por isso, também pode ser oferecida.

A fruta é rica em vitamina A, B e C, fósforo e ferro e seu cachorro pode comê-la sem problemas.

Como servir: Deve ser servida em pequenas quantidades com ou sem casca, mas as sementes devem ser retiradas.

Vantagens: Ajuda a combater a diarreia e o envelhecimento precoce.

Caqui

O caqui é fonte de vitamina C e E e é muito desejada pelos cachorros pelo seu gostinho doce.

Porém, pelo fato ser muito doce, o caqui é uma daquelas frutas que seu cachorro pode comer somente em pequenas quantidades.

O caqui também fornece fósforo, potássio, cálcio, e fibras.

Como servir: Pedaços pequenos sem sementes, podendo ser servido com casca.

Vantagens: Previne tumores, ajuda na baixa do triglicéride (gordura) e diminui o risco de doenças degenerativas.

Morango

É uma fruta rica fonte de vitamina C, A e B e é normalmente adorada pelos cães.

O morango tem poucas calorias e os especialistas afirmam que melhora a função cerebral.

Mas tome cuidado, de acordo com o Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxico em Alimentos (PARA), o morango é um dos produtos com o maior uso de agrotóxicos por isso é bom oferecer ao seu cachorro (e a você!) morangos orgânicos.

Como servir: Com pele e em pequenas quantidades.

Vantagens: Melhora a atividade cerebral, tem função antioxidante e previne o câncer.

Melancia

A última fruta da nossa lista é a melancia.

Gostosa, refrescante e, geralmente, os cachorros adoram. É rica em vitaminas A, B6 e C, além de possuir potássio.

Não deve ser oferecida com as sementes, uma vez que as mesmas bloqueiam o trato intestinal do cachorro.

Pode ser servida gelada ou em temperatura natural.

Como servir: Sem sementes e sem a parte branca que faz parte da casca.

Vantagens: Tem grande quantidade de água, por isso é altamente hidratante.

Dica rápida: todas as frutas que mostramos podem ser congeladas e servidas como um petisco gelado no verão. Ficam uma delícia e ajudam a refrescar seu.dog!

Quais frutas seu cachorro NÃO pode comer?

Infelizmente, não são todas as frutas que cachorro podem comer, inclusive algumas podem comprometer a saúde dele.

As frutas que não são indicadas para os cachorros são:

Abacaxi

Apesar de ser rico em vitamina C e B6, tiamina, ferro e magnésio, não é recomendado aos cachorros pela sua acidez, portanto, abacaxi é uma fruta que cachorro não pode comer.

Sem falar que a casca é um real perigo para o sistema gastrointestinal do animal.

Laranja

Todos sabemos que a laranja tem um alto valor nutritivo.

Mas, por outro lado, ela também tem um alto teor de acidez, o que poderá comprometer a saúde do seu cachorro caso ele tenha gastrite.

Dessa forma, a maioria dos veterinários coloca a laranja fora da lista das frutas que cachorro pode comer para evitar maiores consequências, uma vez que geralmente não se sabe se o animal tem ou não tem problema de gastrite.

Uva

A uva é uma grande polêmica dentro dos alimentos que podem ou não ser dados para o cão.

Alguns profissionais afirmam que na uva existe uma substância que causa insuficiência renal aguda, embora os estudos e descobertas ainda estejam no começo.

Dessa forma, a uva não é recomendada na alimentação do seu cachorro.

Carambola

A carambola, apesar das suas vitaminas, também é uma fruta não recomendada para o cachorro.

Ela contém uma toxina natural que não é filtrada pelo animal nefropata, aquele que é portador de doença renal.

Uma doença renal pode ir se manifestando aos poucos e, na dúvida, o melhor é não oferecer a fruta para seu cachorro comer.

Abacate

O abacate tem uma substância tóxica para os cães, chamada persina, além da fruta ainda causar sérios problemas no sistema gastrintestinal.

Por isso, ele não é indicado para cachorros comerem.

É importante lembrar que as frutas não devem substituir a alimentação. Elas servem como um petisco para seu pet e como um complemento alimentar.

Em vez de oferecer biscoitos artificiais, cheios de corante e sódio, ofereça uma das frutas que cachorro pode comer.

Que tal deixar nos comentários qual a fruta preferida do seu cachorro?! ?